Política

1º de janeiro

Excursão levará moradores de Maringá para posse de Bolsonaro

Publicado por Nailena Faian, com Folhapress, 08:00 - 05 de novembro de 2018

Bloco de Imagem

Foto: Agência Brasil

Em 30 de dezembro saíra de Maringá uma excursão rumo a Brasília para ver a posse do novo presidente Jair Bolsonaro (PSL).


A excursão custa R$ 500, incluindo transporte e hotel. Para quem deseja somente o transporte, o valor é de R$ 330. “No dia 31 vamos fazer uma grande confraternização com os participantes das outras excursões do Paraná e no dia 1º vamos prestigiar a posse de Bolsonaro”, explica Shil Luiz, organizador do movimento em Maringá.

Em Maringá, a viagem foi divulgada na noite quarta-feira (31) e, conforme o organizador, nas primeiras horas, 22 pessoas já confirmaram presença. Em Curitiba já lotou seis ônibus e, em Londrina, quatro, disse ele. “Nessas cidades a excursão foi divulgada anteriormente, por isso tem mais gente. ”


O retorno é no dia 1º de janeiro no período da noite. Quem tiver interesse pode entrar em contato com a organização pelo (44) 99743-7454.


Terno azul


O presidente eleito vestirá um terno azul marinho clássico e uma camisa branca na posse de sua candidatura, no dia 1º de janeiro, afirmou o alfaiate Santino Gonçalves.


Ele visitou o político na manhã de sexta-feira (2) para tirar suas medidas. "É surpresa a gravata", disse.


O tecido, escolhido pelo político, será italiano, de 150 fios. Ele só provará a roupa quando tirar a bolsa de colostomia que carrega desde que levou uma facada durante ato de campanha em 6 de setembro, em Juiz de Fora (MG).


O terno será um presente do amigo da época de Exército Maxuel Gerbatim, barbeiro que também foi na sexta à casa de Bolsonaro, na Barra da Tijuca (zona oeste do Rio), para cortar seu cabelo.


Ele contou que já atendeu o futuro presidente outras vezes em Madureira (zona norte) na época em que Bolsonaro era vereador (1989-1991) e depois deputado federal (1991-2018). Foi ele quem apresentou o alfaiate ao político.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo